quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

UM DESABAFO CONTRA AQUELES QUE OUVEM SOM NO ÚLTIMO VOLUME.


                                                         Resultado de imagem para som alto

Aquele que escuta som no último volume é feliz sozinho. Noutras palavras, é um egoísta descompromissado com a vida do próximo. A sua felicidade é do tamanho do seu egoísmo. Até porque quem tem tal atitude não se preocupa se o próximo está doente, com dor de ouvido, dor de cabeça... ou até mesmo estudando.

A atitude de ouvir o som no último volume não mostra apenas uma boa doze de egoismo. Mas, também, uma grande parcela de falta de educação - ou os pais falharam no ato de educar ou o filho não deu a mínima atenção para tal esforço. Educar requer esforço e suor.

O conceito de educação mais simples diz respeito ao processo de formação transmitidos pela Família, Estado e Escola. No entanto, a educação é sempre uma via de mão dupla. Por isso, se o indivíduo - responsável pelos seus atos - não quiser tal educação, ninguém pode educá-lo. Muito menos a sua família... Portanto, e que a verdade seja dita, sem sempre ela tem culpa.

Por conta disso, surgem os conflitos sociais entre os conterrâneos e tais desentendimentos convidavam os policiais para a solução de problemas simples. Isso desnecessariamente, visto que uma simples doze de bom senso seria o suficiente para a solução de conflitos interpessoais.

Entretanto, muitos não sabem o que tal expressão significa. Eis o momento de explicar. Bom senso significa: "a utilização da razão para a resolução de problemas sociais ou não". E no caso da música no último volume, o bom senso serve para enxergamos o outro como a nós mesmos e reconhecer que tal felicidade exagerada pode prejudicar - em diversos momentos e situações, o outro.

A discussão sobre fazer uso do bom senso não é em vão, posto que a utilização do mesmo inibe a violência entre os homens que, por sua vez, estão extremamente violentos. Não é a toa que vizinhos se matam por conta de som alto, agitação no trânsito paulistano ou até mesmo porque não usam fone de ouvido dentro de um ônibus. Todos esses desentendimentos entre os homens invocam um único sentimento - A INTOLERÂNCIA. E a cada dia os homens estão sofrendo desse mal.

Para não provocar o sentimento de intolerância, no próximo, que tal diminuir o volume do som do seu carro, do som do seu apartamento, do som da sua festa ou até mesmo do seu celular? Bom senso não faz mal a ninguém - ensinaram os adultos a mais tempo. Seja educado, educada. O próximo a ser incomodado pode ser você!!!